Yu-gi-oh!

Yu-gi-oh!
dragão branco de olhos azuis, dragão luminoso de olhos azuis e dragão supremo de olhos azuis.

terça-feira, 27 de abril de 2010

Aberturas de alguns animes populares na minha opinião.

Digimon


Digimon data Squad






Dragon Ball


Pokémon

Um pouco da vida de Albert Einstein.


Albert Einstein nasceu em Ulm a 14 de Março de 1879 e faleceu em Princeton a 18 de Abril de 1955. Radicou-se nos Estados Unidos. Ganhou o Prêmio Nobel da Física no ano de 1921 pela sua correta explicação do chamado efeito fotoelétrico; no entanto, o prêmio só foi anunciado em 1922.O seu trabalho teórico possibilitou o desenvolvimento da energia atômica, apesar do próprio Einstein não ter previsto tal possibilidade.
Devido à formulação da teoria da relatividade Einstein tornou-se famoso mundialmente, algo pouco comum para um cientista. Nos seus últimos anos, a sua fama excedeu a de qualquer outro cientista na cultura popular. Einstein tornou-se sinônimo de gênio. Einstein nasceu na região alemã de Württemberg, na cidade de Ulm, numa família judaica não praticante. Em 1852, o avô materno de Einstein, Julius Koch, estabelece-se como comerciante de cereais em Bad Cannstatt, nos arredores de Estugard. Os pais de Einstein, Hermann Einstein e Pauline Koch, casam-se em 1876.
Em 21 de Junho de 1880 (o pequeno Albert tem um ano de idade), a família Einstein muda-se para Munique. Em 1885, Hermann Einstein funda uma empresa de material elétrico com o irmão Jacob. A empresa chamou-se J. Einstein & Cie. Os dois irmãos estão convencidos de que este sector em pleno crescimento oferece melhor rentabilidade do que o tradicional negócio de penas de colchão. Na década de 1880, a cidade de Munique, em processo de industrialização (relativamente tardio) desenvolveu-se muito, crescendo a população a um ritmo de dezessete mil novos habitantes por ano. A empresa do pai de Einstein chegou a ter entre 150 e 200 trabalhadores nos seus melhores dias. Dois dos contratos que a empresa obteve foram a eletrificação da cidade de Schwabing (hoje um bairro de Munique) e de Theresienwiese onde se realiza a famosa Oktoberfest de Munique.
A 18 de Novembro de 1881, nasce Maria Einstein (Maja). Einstein teria sempre uma relação muito íntima com a irmã. Einstein e Maja recebem uma educação não religiosa. O pai considera os ritos judeus como superstições antiquadas. Com três anos, Einstein tinha ainda dificuldades de fala. A juventude de Einstein é solitária. As outras crianças chamam-lhe "Bruder Langweil" (irmão tédio) e "Biedermann" (mesquinho). Aos cinco anos de idade, Einstein recebe um professor privado. Aos seis anos de idade, Einstein tem aulas de violino, a principio não lhe agrada e termina por abandonar-las. Mas ao longo da sua vida tocar violino, e em particular as Sonatas de Mozart, torna-se uma das suas atividades preferidas.
A 1 de Outubro de 1885, Einstein começa a frequentar uma escola primária católica em Munique. Os pais de Einstein, por não serem judeus praticantes, não se importaram que o filho frequentasse inclusive a catequese, que agradou bastante a Einstein. Curiosamente Einstein desenvolve sozinho uma fervente fé judaica e passa a cumprir os rituais judeus incluindo o Sabath e a comida casher.
Aos 10 anos Albert conhece Max Talmud, um jovem estudante de medicina que costuma jantar com a família Einstein. Max foi uma influência importantíssima na vida de Albert porque o introduziu, apesar da sua tenra idade, à leitura de importantes obras científicas e filosóficas, como por
exemplo Os Elementos de Euclides ou a Crítica da Razão Pura de Kant. Em consequência dos seus estudos sobre ciência, Einstein abandona completamente a fé judaica aos 12 anos.
Entretanto, os negócios do pai de Einstein começam a correr pior do que se esperava. Há uma grande concentração da indústria do sector elétrico. Hermann Einstein vê-se obrigado a abandonar o controlo da sua empresa de Munique. A firma é comprada em 1894 pela AEG (Allgemeine Elektrizitätsgesellschaft). Poucos anos depois, em 1910, existiriam apenas duas grandes empresas no sector: Siemens & Halske e a AEG .
Em 1894 Hermann Einstein muda-se com a família para Pavia, Itália. Ele tencionava abrir ali um novo negócio no sector elétrico com o dinheiro de que dispunha. Uma idéia que acabaria por levá-lo à falência.
O jovem Albert Einstein (tem quinze anos) permanece em Munique por mais uns meses ao cuidado de familiares, a fim de terminar o ano letivo. Junta-se depois à família na Itália.
Em 1895, decide entrar na universidade antes de terminar o ensino secundário, com esse objetivo fez exames de admissão à ETH Zurich (Universidade Federal Suíça em Zurique), mas reprova na parte de humanidades dos exames. Foi então enviado para a cidade de Aarau no cantão suíço de Argóvia para terminar a escola secundária, onde em 1896 recebe o seu diploma da escola secundária.
Em 1896, Einstein (com dezessete anos de idade) renuncia à cidadania alemã com o intuito de assim evitar o serviço militar alemão.
Pede então a naturalização suíça, que receberia a 21 de Fevereiro de 1901. Nunca deixaria de ser cidadão suíço, mesmo depois de receber a cidadania americana.
Cursou o ensino superior na Suíça, na ETH Zurich, onde mais tarde foi docente.
A 6 de Janeiro de 1903 casou-se com Mileva Marić, sem a presença dos pais da noiva. Albert e Mileva tiveram três filhos: Lieserl Einstein, Hans Albert Einstein e Eduard Einstein. A primeira morreu ainda bebé, o mais velho tornou-se um importante professor de Hidráulica na Universidade da Califórnia e o mais jovem, formado em Música e Literatura, morreu num hospital psiquiátrico suíço.
Obteve o doutorado em 1905. No mesmo ano escreveu quatro artigos fundamentais para a Física moderna.
O primeiro artigo deste ano foi sobre o movimento browniano, que constitui uma evidência experimental da existência dos átomos. Antes deste artigo, os átomos eram considerados um conceito útil. Einstein relacionou as grandezas estatísticas do movimento browniano com o comportamento dos átomos e deu
aos experimentalistas um método de contagem dos átomos através de um microscópio vulgar.
O segundo artigo propôs a idéia dos "quanta de luz" (os atuais fogões) e mostrou como é que poderiam ser utilizados para explicar fenômenos como o efeito fotoelétrico. A teoria dos quanta de luz de Einstein não recebeu quase nenhum apoio por parte dos físicos durante vinte anos. Mesmo depois de as experiências terem demonstrado que as equações de Einstein para o efeito fotoelétrico eram exatas, a explicação proposta por ele não foram aceitas.
O terceiro artigo de 1905 sobre eletrodinâmica de corpos em movimento, introduziu a relatividade restrita. Estabeleceu uma relação entre os conceitos de tempo e distância. Algumas das idéias matemáticas já tinham sido introduzidas um ano antes pelo físico neerlandês Hendrik Lorenz, mas Einstein mostrou como era possível entender esses conceitos.
No quarto artigo, uma extensão do terceiro, Einstein introduz o conceito de massa inercial. Nele, Einstein deduziu a famosa relação entre a massa e a energia: E = mc2. Esta equação esteve na base de construção de bombas nucleares. A ideia serviu mais tarde para explicar como é que o Big Bang, uma explosão de energia, poderia ter dado origem à matéria.

Retirado dos sites:
http://www.explicatorium.com/Albert-Einstein.php

http://pt.wikipedia.org/wiki/Albert_Einstein

Para quem gosta de Biologia.

Esse site fala de varias partes da biologia http://www.planetabio.com/planetabio.html

sexta-feira, 23 de abril de 2010

O fim dos dinossauros.


Os dinossauros eram grandes animais que habitaram o planeta há milhões de anos, segundo paleontólogos, o surgimento desses animais teria iniciado há, aproximadamente, 220 milhões de anos, dominando a Terra ao longo de toda a Era Mesozóica. Havia dinossauros de diferentes tamanhos, mas a maioria era enorme e pesava toneladas, tinham uma dieta baseada em carne, frutos, plantas e insetos. Em razão do tamanho, encontravam dificuldades para se locomover.



Há, aproximadamente, 65 milhões de anos os dinossauros desapareceram da Terra, essa extinção sempre foi um dos mais intrigantes enigmas do planeta. Um grupo de cientistas começou a desvendar esse “quebra-cabeça” ao pesquisar rochas oriundas do fim do mesozóico, a partir dessa análise constaram que nesse período um enorme meteoro colidiu com a superfície terrestre. Segundo eles, esse meteoro possuía um tamanho que oscilava entre 6 e 14 km, atingindo a Terra a uma incrível velocidade de 72.000 km/h, dando origem a uma cratera de cerca de 200 km de diâmetro, que se encontra na Península de Yucatán, no Golfo do México (México). Em virtude da colisão o planeta sofreu grandes catástrofes, a principal delas foi uma imensa nuvem de poeira que se ergueu até a atmosfera, impedindo a entrada da luz solar na superfície terrestre. A falta de luz gerou quedas repentinas na temperatura, além disso, as plantas morreram, fato provocado pela impossibilidade de execução do processo de fotossíntese.

Os animais que dependiam dessas plantas para se alimentar morreram de fome e também de frio e comprometeram os animais que se alimentavam desses herbívoros, com esse acontecimento toda a cadeia alimentar foi comprometida e provocou um verdadeiro colapso ambiental. Essas informações dão alicerce para a principal teoria acerca do fim dos dinossauros, uma vez que essa é a mais aceita nos meios acadêmicos, mas não a única explicação para tal extinção.
Alguns cientistas acreditam que a extinção dos grandes répteis não aconteceu com a queda do meteoro, mas sim por mudanças gradativas do clima que sucedia naquele período. Outros afirmam que o causador do fim dos dinossauros não teria sido apenas um meteoro, mas a queda de inúmeros deles. Apesar de haver várias explicações, hipóteses e teorias, não é possível afirmar com precisão o que realmente provocou a extinção desses enormes animais da Terra.

Retirado do site: http://www.mundoeducacao.com.br/geografia/o-fim-dos-dinossauros.htm

segunda-feira, 5 de abril de 2010

Sistema Operacional do Casamento Reclamações de um usuário

Prezado Técnico,

Há um ano e meio troquei o programa [Noiva 1.0] pelo [Esposa 1.0]
e verifiquei que o Programa gerou um aplicativo inesperado
chamado [ Bebê.exe ] que ocupa muito espaço no HD.

Por outro lado, o [Esposa1.0] se auto-instala em todos os outros programas
e é carregado automaticamente assim que eu abro qualquer aplicativo.

Aplicativos como [Cerveja_Com_ A_Turma 0.3],
[Noite_De_Farra 2.5] ou [Domingo_De_ Futebol 2.8],
não funcionam mais, e o sistema trava assim que eu tento carregá-los novamente.

Além disso, de tempos em tempos um executável oculto (vírus) chamado [Sogra 1.0] aparece, encerrando Abruptamente a execução de um comando.

Não consigo desinstalar este programa. Também não consigo diminuir o espaço ocupado pelo [Esposa 1.0] quando estou rodando meus aplicativos preferidos.

Sem falar também que o programa [Sexo 5.1] sumiu do HD.

Eu gostaria de voltar ao programa que eu usava antes,
o [Noiva 1.0], mas o comando [Uninstall.exe] não funciona adequadamente.

Poderia ajudar-me? Por favor!

Ass:

Usuário Arrependido



RESPOSTA:

Prezado Usuário,

Sua queixa é muito comum entre os usuários, mas é devido, na maioria das vezes,
a um erro básico de conceito: muitos usuários migram de qualquer versão
[Noiva 1.0] para [Esposa 1.0] com a falsa idéia de que se trata de um aplicativo de entretenimento e utilitário.

Entretanto, o [Esposa 1.0] é muito mais do que isso:
é um sistema operacional completo, criado para controlar todo o sistema!


É quase impossível desinstalar [Esposa 1.0] e voltar para uma versão [Noiva 1.0],
porque há aplicativos criados pelo [Esposa 1.0], como o [Filhos.dll] , que
não poderiam ser deletados, também ocupam muito espaço, e não rodam sem o [Esposa 1.0].

É impossível desinstalar, deletar ou esvaziar os arquivos dos programas depois de instalados. Você não pode voltar ao [Noiva 1.0] porque [Esposa 1.0] não foi programado para isso.

Alguns usuários tentaram formatar todo o sistema para em seguida instalar a [Noiva Plus]
ou o [Esposa 2.0], mas passaram a ter mais problemas do que antes.
Leia os capítulos 'Cuidados Gerais' referente a
' Pensões Alimentícias' e ' Guarda das crianças' do software [CASAMENTO].

Uma das melhores soluções é o comando [DESCULPAR.EXE /flores/all] assim que aparecer o menor problema ou se travar o programa. Evite o uso excessivo da tecla [ESC] (escapar).
Para melhorar a rentabilidade do [Esposa 1.0], aconselho o uso de
[Flores 5.1], [Férias_No_Caribe 3.2] ou [Jóias 3.3].

Os resultados são bem interessantes!
Mas nunca instale [Secretária_De_ Minissaia 3.3], [Antiga_Namorada 2.6] ou [Turma_Do_Chopp 4.6 ], pois não funcionam depois de ter sido instalado o [Esposa 1.0]
e podem causar problemas irreparáveis ao sistema.

Com relação ao programa [Sexo 5.1], esqueça! Esse roda quando quer.

Se você tivesse procurado o suporte técnico antes de instalar o [ Esposa1.0] a orientação seria: NUNCA INSTALE O [ESPOSA 1.0] sem ter a certeza de que é capaz de usá-lo!



domingo, 4 de abril de 2010

Algumas fotos do Dragon Ball em 3D

majin buu

estilo Videl
id = Rostos de vilões
id = Freeza



Príncipe da Pérsia: As Areias do Tempo


Elenco: Gemma Arterton, Jake Gyllenhaal, Ben Kingsley, Alfred Molina, Dave Pope, Thomas DuPont.


Direção: Mike Newell


Gênero: Aventura


Estréia no dia: 28 de Maio de 2010

Sinopse: Da equipe que levou a trilogia de Piratas do Caribe para as telas do cinema, Walt Disney Pictures e Jerry Bruckheimer Films apresentam Príncipe da Pérsia: As Areias do Tempo', um épico de ação e aventura ambientado na mística Pérsia. Um príncipe guerreiro (JAKE GYLLENHAAL) relutantemente une forças com uma misteriosa princesa (GEMMA ARTERTON) e, juntos, eles lutam contra forças obscuras para salvaguardar uma antiga adaga capaz de libertar as Areias do Tempo - um dom dos deuses que dá à pessoa que o possui o poder de controlar o mundo.


Falando um pouco do filme: O filme baseado no jogo de videogame "Prince of Persia", relata a historia de um rei e seu filho, que derrotam o poderoso Maharajah e seqüestram sua filha, apoderando-se de seu palácio e seus tesouros, inclusive uma ampola gigante e uma misteriosa adaga. Prince nem imagina que esses dois itens podem dar ao seu dono um poder dos deuses podendo controlar o próprio tempo. Ao ser enganado por um Vizir ele solta as areis do tempo, destruindo o reino e transformando sua população em ferozes demônios. Agora apenas Prince pode reverter esta terrível situação.

Trailler do filme:

Tirinhas de Pascoa.

Pagando o pato na Pascoa.


Significado da Pascoa.

sábado, 3 de abril de 2010

Historia da Páscoa



Data da Páscoa nos próximos anos

2004 Abril 11

2011 Abril 24

2018 Abril 1

2005 Março 27

2012 Abril 8

2019 Abril 21

2006 Abril 16

2013 Março 31

2020 Abril 12

2007 Abril 8

2014 Abril 20

2021 Abril 4

2008 Março 23

2015 Abril 5

2022 Abril 17

2009 Abril 12

2016 Março 27

2023 Abril 9

2010 Abril 4

2017 Abril 16

2024 Março 31

Símbolos da Páscoa

Do hebreu Peseach, Páscoa significa a passagem da escravidão para a liberdade. É a maior festa do cristianismo e, naturalmente, de todos os cristãos, pois nela se comemora a Passagem de Cristo - "deste mundo para o Pai", da "morte para a vida", das "trevas para a luz".

Considerada, essencialmente, a Festa da Libertação, a Páscoa é uma das festas móveis do nosso calendário, vinda logo após a Quaresma e culminando na Vigília Pascal.

Entre os seus símbolos encontram-se:

O Ovo de Páscoa
A existência da vida está intimamente ligada ao ovo, que simboliza o nascimento.

O Coelhinho da Páscoa
Por serem animais com capacidade de gerar grandes ninhadas, sua imagem simboliza a capacidade da Igreja de produzir novos discípulos constantemente.

A Cruz da Ressurreição
Traduz, ao mesmo tempo, sofrimento e ressurreição.

O Cordeiro
Simboliza Cristo, que é o cordeiro de Deus, e se sacrificou em favor de todo o rebanho.

O Pão e o Vinho
Na ceia do senhor, Jesus escolheu o pão e o vinho para dar vazão ao seu amor. Representando o seu corpo e sangue, eles são dados aos seus discípulos, para celebrar a vida eterna.

O Círio
É a grande vela que se acende na Aleluia. Quer dizer: "Cristo, a luz dos povos". Alfa e Ómega nela gravadas querem dizer: "Deus é o princípio e o fim de tudo".

A Páscoa no mundo

Na China


O "Ching-Ming" é uma festividade que ocorre na mesma época da Páscoa, onde são visitados os túmulos dos ancestrais e feitas oferendas, em forma de refeições e doces, para deixa-los satisfeitos com os seus descendentes.

Na Europa


As origens da Páscoa remontam a bem longe, aos antigos rituais pagãos do início da primavera (que no Hemisfério Norte inicia em março). Nestes lugares, as tradições de Páscoa incluem a decoração de ovos cozidos e as brincadeiras com os ovos de Páscoa como, por exemplo, rolá-los ladeira abaixo, onde será vencedor aquele ovo que rolar mais longe sem quebrar.

Nos países da Europa Oriental, como Ucrânia, Estônia, Lituânia e Rússia, a tradição mais forte é a decoração de ovos com os quais serão presenteados amigos e parentes. A tradição diz que, se as crianças forem bem comportadas na noite anterior ao domingo de Páscoa e deixarem um boné de tecido num lugar escondido, o coelho deixará doces e ovos coloridos nesses "ninhos".

Nos Estados Unidos


A brincadeira mais tradicional ainda é a "caça ao ovo", onde ovos de chocolate são escondidos pelo quintal ou pela casa para serem descobertos pelas crianças na manhã de Páscoa. Em algumas cidades a "caça ao ovo" é um evento da comunidade e é usada uma praça pública para esconder os ovinhos.

No Brasil e América Latina


O mais comum é as crianças montarem seus próprios ninhos de Páscoa, sejam de vime, madeira ou papelão, e enchê-los de palha ou papel picado. Os ninhos são deixados para o coelhinho colocar doces e ovinhos na madrugada de Páscoa. A "caça ao ovo" ou "caça ao cestinho" também é utilizada.

Site da onde tirei

http://www.arteducacao.pro.br/homenagem/Pascoa/pascoa.htm



Related Posts with Thumbnails