Yu-gi-oh!

Yu-gi-oh!
dragão branco de olhos azuis, dragão luminoso de olhos azuis e dragão supremo de olhos azuis.

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Capitão América.




Capitão América (Captain America, em inglês), é o alter ego de Steve Rogers, um personagem de HQ da Marvel Comics. Foi criado por Joe Simon e Jack Kirby, apareceu pela primeira vez em Captain America Comics #1 (Março de 1941).
O Capitão América foi o maior de uma onda de super-heróis surgidos sob a bandeira do patriotismo estadunidense, que foram apresentados ao mundo pelas companhias de histórias em quadrinhos, durante os anos da Segunda Guerra Mundial. Ao lado de seu parceiro Bucky, o Capitão América enfrentou as hordas nazistas durante a Segunda Guerra Mundial, mas o herói caiu na obscuridade após o fim dos conflitos.

Capitão America e Bucky Barnes
História.

A história do Capitão América se baseia em um fraco e esquelético rapaz, que deseja de qualquer forma participar dos esforços estadunidenses para vencer a guerra. Ao ter seu alistamento recusado por sua saúde debilitada, ele deixa claro estar disposto a fazer qualquer coisa para ajudar na guerra. Esse "qualquer coisa" é tão literal que ele se torna parte de um experimento para a criação de soldados superiores em tudo: o "projeto super-soldado", que consistia em um soro especial e a radiação de raios gerando um crescimento físico geral, tornando um ser debilitado como Steve Rogers em um superatleta musculoso, forte, veloz e ágil. Contudo, como na equipe do projeto havia um agente duplo a serviço de Hitler, o cientista que criou o "soro do super-soldado" é morto por esse agente. Como não havia registro escrito da fórmula, essa se perdeu junto com a vida do cientista e Steve Rogers acaba se tornando o único daquilo que deveria ser um exército de super-soldados.
Em 1964, a Marvel reviveu o Capitão América ao revelar que ele tinha caído de um avião experimental no Atlântico Norte nos últimos dias da guerra e que passou as últimas décadas congeladas, em animação suspensa. O herói ressurgiu com uma nova geração de leitores como o líder de um grupo de super-heróis conhecido como os Vingadores e em novas histórias solo.
Capitão America e Falcão
Suas primeiras histórias solo foram lançadas na revista Tales of Suspense, dividindo as páginas com aventuras do Homem de Ferro. Nelas, a dupla Lee/Kirby procurou justificar um super-herói sem poderes, apresentando o Capitão como "o maior lutador do mundo", enfrentando vilões representantes de modalidades de lutas como o Sumô ou o francês Savate (Batroc). Mas seus inimigos frequentes eram os nazistas e os neonazistas, como o Caveira Vermelha e a H.I.D.R.A. Também havia aventuras em que ele se ligou a agência de espiões S.H.I.E.L.D, que enfrentava inimigos tecnológicos como Modok e a I.M.A. Nos anos 1970 enfrentou o Império Secreto, uma organização racista inspirada na Ku Klux Klan, num arco de história em que os X-Men e vários mutantes foram caçados e capturados pelos criminosos. Também nessa época iniciou sua parceria com o super-herói Falcão. Mais tarde enfrentaria a Força Nacional, outra organização racista e ultraconservadora. Nesse confronto seria dado como morta sua namorada e agente secreta Sharon Carter (Agente 13).
Apesar da reformulação dos anos 1960, foram feitas novas aventuras ambientadas na época da II Guerra, quando seu parceiro era o garoto James Buchanan Barnes, vulgo
Bucky. Ambos e mais Namor e outros heróis menos conhecidos dos anos 1940 formaram o super-grupo Os Invasores.

Steve Rogers.
Steve Rogers.

Steve Rogers, nascido em 4 de julho de 1917 e morto aos 89 anos em Nova Iorque, depois que renasceu na Era Moderna, teve muitas dificuldades para se adaptar a vida civil. No início morava na mansão dos Vingadores e era praticamente um super-herói de tempo integral. Continuou nesse ritmo quando se aliou a Shield e teve um romance com a Agente 13. Somente no fim da década de 1960, Steve Rogers começou a buscar uma vida própria. Um desentendimento com Nick Fury o fez se afastar da espionagem. Comprou uma motocicleta e saiu em viagem pelo interior do país. Retornaria depois que o Caveira Vermelha voltou a atacar. Depois Steve entra para a força policial de Nova York, mas logo tem a sua vida conturbada em função de acusação de que era corrupto, pois quase não aparecia para as rondas e mesmo assim não era demitido (seus superiores conheciam sua identidade). O acusador era seu parceiro, que logo se descobriu que agia como o vilão Chefe Encapuzado. Um bom tempo depois Steve voltou a tentar ter uma vida civil. Virou desenhista de quadrinhos e alugou um apartamento na cidade. Mas também não conseguiu cumprir seus compromissos. Sua vida mudou quando recebeu uma boa quantia em dinheiro, resultado de anos de soldo militar que não lhe haviam sido entregues na época do seu desaparecimento. Steve organizou uma rede de informações para ajudá-lo em suas missões, mas logo seria procurado pelo Governo que queria explicações sobre a sua súbita fortuna. Esse problema levou a que Steve fosse privado por um certo tempo de sua identidade de Capitão América.

Escudo
 O Escudo.

A única arma do Capitão América é seu escudo, usado para defesa e também ataque, quando então funciona como um bumerangue. Feito de uma liga de dois metais que só existem no universo de quadrinhos da Marvel Comics, misturando o Adamantium, um metal muito mais duro que o diamante e superior ao titânio em resistência, e o Vibranium, que é capaz de absorver qualquer forma de energia, vibração ou impacto. Assim o escudo do Capitão América é indestrutível e absorve o impacto e a força de tudo que lhe atinge. Como seu criador jamais conseguiu repetir a liga, tornou-se também único, usado como a única arma do paladino da justiça.



Capitão America morto
A "Morte" do Herói.

No dia 07 de fevereiro de 2007, após a conclusão da saga Civil War, o Capitão America foi aparentemente morto. Steve Rogers teria sido baleado num dos joelhos e no estômago, nas escadarias do Capitólio, a caminho do seu julgamento. Foi socorrido, mas morreu a caminho do hospital.
Na cena do crime, foi encontrado o vilão Ossos Cruzados, capanga do Caveira Vermelha. Apesar de não terem sido disparos seus os que vitimaram Steve, ele foi preso. Interrogado por Wolverine e Demolidor, o vilão afirmou não se lembrar de nada. O detector de mentira disse ser verdade. Outra suspeita foi Sharon Carter, que estava sendo controlada pelo Caveira Vermelha.

Capitão America  Bucky Barnes
O Novo Capitão América.

O editor Joe Quesada da Marvel anunciou no dia 11 de Outubro de 2007 que o Capitão América iria retornar. A "bandeira e o escudo" seriam ocupados por Bucky, que revivera pouco antes como o super-herói Soldado Invernal e fora parceiro do Capitão na II Guerra Mundial. Pela primeira vez o Capitão América (ou Bucky) irá usar como arma, além do escudo, uma pistola M1911A1 e uma faca, além de contar com recursos cibernéticos para amplificar sua força no braço esquerdo (com o qual ele segura o escudo).

O Retorno.

Steve Rogers retorna na minissérie Capitão América: Renascimento O Capitão original aparecerá também em o Cerco, outro megaevento Marvel, assim como foram a “Invasão Secreta” e a “Guerra Civil”, o Capitão América dos Vingadores ainda será o Bucky.

Filmes.

Em 1990 foi lançado um filme com o título Captain America, estrelando Matt Salinger no papel do personagem principal.
Em 2011 o filme The First Avenger: Captain America.

Jogos.

Capitão América é personagem jogável em dois clássicos jogos para Super Nintendo e Sega Genesis. Em Captain America & The Avengers, o capitão é selecionável entre outros personagens do grupo Vingadores e em Marvel Super Heroes: War of the Gems, o Capitão podia ser seleto em meio a outros 4 super-heróis famosos, Homem-Aranha, Hulk, Homem de Ferro e Wolverine eram os personagens a usar para passar os níveis.

Em Marvel Ultimate Alliance, o Capitão América é jogável em todas as plataformas, sendo que seu ataque extremo é o "Avenger's Shield" e suas roupas são: Ultimate, Classic, US Agent e WW2. 

Capitão América esteve em praticamente todos os jogos de luta da Marvel feitos pela manufatureira de games capcom (exceto X-MEN vs Street Fighter e X-Men Children of the atom).



Retirado do site: http://pt.wikipedia.org/wiki/Capit%C3%A3o_Am%C3%A9rica

domingo, 27 de novembro de 2011

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Gifs de alguns digimons 9.

Nyaromon

Punimon

Ulforce veedramon

Devidramon


Tsunomon

Rise-Greymon

Shinegreymon

Shinegreymon Modo Explosivo

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

sábado, 19 de novembro de 2011

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Gifs de alguns digimons 8.

Sunmon

Coronamon

Firamon

Flaremon

Apollomon

Kiwimon

Cerberumon

Wizardmon

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Gaia.

Gaia, Géia, Gea ou Gê era a deusa da Terra, também conhecida como Mãe Terra. Segundo
Hesíodo, no princípio surge o Caos, e do Caos nascem Gaia, Tártaro, Eros, Érebo e Nix. A deusa
foi também à propiciadora dos sonhos e a protetora da fecundidade. Na mitologia grega, Gaia
é a personificação da Terra como deusa. Uma das primeiras divindades a habitar o Olimpo.
Gaia possui natureza forte e personifica a base onde se sustentam todas as coisas.
Gaia, na mitologia clássica, personificava a origem do mundo, o triunfo e ordenamento do
cosmos frente ao caos, a propiciadora dos sonhos, a protetora da fecundidade e dos jovens.
Gaia gera sozinha Urano, Ponto e as Montanhas. Ela gerou Urano, seu igual, com o desejo de
ter alguém que a cobrisse completamente, e para que houvesse um lar eterno para os deuses
"bem-aventurados".
Com Urano, Gaia gerou os 12 Titãs: Oceano, Céos, Crio, Hiperião, Jápeto, Téia, Reia, Têmis,
Mnemosine, a coroada de ouro Febe e a amada Tétis; por fim nasceu Cronos.
Após, Urano e Gaia geraram os Ciclopes e os Hecatônquiros (Gigantes de Cem Mãos). Sendo
Urano capaz de prever o futuro, temeu o poder de filhos tão grandes e poderosos e os
encerrou novamente no útero de Gaia. Ela, que gemia com dores atrozes sem poder parir,
chamou seus filhos Titãs e pediu auxílio para libertar os irmãos e se vingar do pai. Somente
Cronos aceitou. Gaia então tirou do peito o aço e fez a foice dentada. Colocou-a na mão de
Cronos e os escondeu, para que, quando viesse Urano, durante a noite não percebesse sua
presença. Ao descer, Urano, para se unir mais uma vez com a esposa, foi surpreendido por
Cronos, que o atacou e castrou-o, separando assim o Céu e a Terra. Cronos lançou os testículos
de Urano ao mar, mas algumas gotas caíram sobre a terra, fecundando-a. Do sangue de Urano
derramado sobre Gaia, nasceram os Gigantes, as Erínias as Melíades e Afrodite.
Após a queda de Urano, Cronos subiu ao trono do mundo e libertou os irmãos. Mas vendo o
quanto eram poderosos, também os temia e os aprisionou mais uma vez. Gaia, revoltada com
o ato de tirania e intolerância do filho, tramou uma nova vingança.
Quando Cronos se casou com Réia e passou a reger todo o universo, Urano lhe anunciou que
um de seus filhos o destronaria. Ele então passou a devorar cada recém nascido por conselhos
do pai. Mas Gaia ajudou Réia a salvar o filho que viria a ser Zeus. Réia então, em vez de
entregar seu filho para Cronos devorar entregou-lhe uma pedra, e escondeu seu filho em uma
caverna.
Já adulto Zeus declarou guerra ao pai e aos demais Titãs com a ajuda de Gaia. E durante cem
anos nenhum dos lados chegava ao triunfo. Gaia então foi até Zeus e prometeu que ele
venceria e se tornaria rei do universo se descesse ao Tártaro e libertasse os três Ciclopes e os
três Hecatônquiros.
Ouvindo os conselhos de Gaia, Zeus venceu Cronos, com a ajuda dos filhos libertos da Terra e
se tornou o novo soberano do Universo. Todavia, Zeus realizou um acordo com os
Hecatônquiros para que estes vigiassem os Titãs no fundo do Tártaro. Gaia pela terceira vez se
revoltou e lançou mão de todas as suas armas para destronar Zeus.
Num primeiro momento, ela pariu os incontáveis Andróginos, seres com quatro pernas e quatro braços que se ligavam por meio da coluna terminado em duas cabeças, além de possuir os órgãos genitais femininos e masculinos. Os Andróginos surgiam do chão em todos os quadrantes e escalavam o Olimpo com a intenção de destruir Zeus, mas, por conselhos de Têmis, ele e os demais deuses deveriam acertar os Andróginos na coluna, de modo a dividi-los exatamente ao meio. Assim feito, Zeus venceu.
Em outra oportunidade, Gaia produziu uma planta que ao ser comida poderia dar imortalidade aos Gigantes; todavia a planta necessitava de luz para crescer. Mas ao saber disto Zeus ordenou que Hélios, Selene, Eos e as Estrelas não subissem ao céu, e escondido nos véus de Nix, ele encontrou a planta e a destruiu. Mesmo assim Gaia incitou os Gigantes a colocarem as montanhas umas sobre as outras na intenção de subir o céu e invadir o Olimpo. Mas Zeus e os outros deuses venceram novamente.
Como última alternativa, enviou seu filho mais novo e o mais horrendo, Tifão para dar cabo dos deuses e seus aliados, mas os deuses se uniram contra a terrível criatura e depois de uma terrível e sangrenta batalha, eles conseguem vencer o último filho de Gaia.
Enfim, Gaia cedeu e acordou com Zeus que jamais voltaria a tramar contra seu governo. Dessa forma, ela foi recebida como uma deusa Olímpica.

Outras versões.

Pseudo-Apolodoro.

Em Pseudo-Apolodoro, seu mito é semelhante ao contado por Hesíodo.
Urano é o primeiro a governar todo o mundo, e se casa com Gaia Desta união nascem os Hecatônquiros, Briareu, Giges e Coto. Em seguida, nascem os cíclopes, Arges, Estéropes e Brontes, que foram encerrados no Tártaro. Os próximos filhos são os Titãs, os filhos Oceano, Céos, Hiperião, Crio, Jápeto e o mais novo de todos, Cronos, e as filhas titânides Tétis, Reia, Têmis, Mnemosine, Febe, Dione e Teia.
Gaia ficou triste com a destruição dos seus filhos, encerrados no Tártaro, e convenceu os Titãs a atacarem Urano, e deu a Cronos uma foice de adamantina. Os titãs, exceto Oceano, atacaram Urano, e Cronos castrou Urano, jogando suas genitais no mar; das gotas de sangue nasceram as Fúrias, Alecto, Tisífone e Megera.
Após destronarem Urano, os titãs libertaram seus irmãos presos no Tártaro, e escolheram Cronos como seu soberano, mas este encerrou-os de volta no Tártaro, e se casou com sua irmã Reia. Gaia e Urano profetizaram que Cronos seria destronado por seu filho, o que fez Cronos engolir cada filho que nascia de Reia.
Mais tarde, durante a guerra entre Zeus e Cronos, Gaia profetizou que Zeus teria a vitória se ele se aliasse aos prisioneiros do Tártaro, o que foi feito.
Gaia também teve filhos com Ponto (deus primitivo do mar): Fórcis, Taumante, Nereu, Euríbia e Ceto.
Outra previsão de Gaia foi que Zeus e Métis teriam uma filha e um filho, e este derrubaria Zeus; Zeus evitou esta profecia engolindo Métis antes da filha nascer.
Segundo Ferecides de Leros, Triptólemo era filho de Gaia e Oceano.
Mais tarde, foi Gaia que incentivou a guerra entre os gigantes e os deuses olímpicos, fazendo gigantes, seus filhos com Urano, atacarem Zeus. Estes gigantes não podiam ser mortos por deuses, mas Zeus chamou Héracles, que matou vários gigantes. Na sequência da guerra, Gaia teve com Tártaro o monstro Tifão, que foi enterrado por Zeus no vulcão Etna.

Outros filhos de Gaia são:

Equidna, com Tártaro.
 Argos Panoptes.

Retirado do site: http://pt.wikipedia.org/wiki/Gaia_%28mitologia%29

http://www.magiazen.com.br/palavra-chave/gaia

http://gaiaplanejamento.com.br/empresa.php

domingo, 13 de novembro de 2011

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Gifs de alguns digimons 7.

GrappLeomon

Grizzmon

Herculeskabuterimon

Imperialdramon Modo Paladino
Atlurkabuterimon


Bearmon

Omegamon

Paildramon

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

sábado, 5 de novembro de 2011

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Related Posts with Thumbnails