Yu-gi-oh!

Yu-gi-oh!
dragão branco de olhos azuis, dragão luminoso de olhos azuis e dragão supremo de olhos azuis.

sábado, 23 de março de 2013

James Maxwell.


Nascido em 1831 em Edimburgo na Escócia, James Clerk Maxwell iniciou-se como cientista desde muito cedo, estudou em Edinburgh e no Trinity College, em Cambridge, onde se formou no ano de 1854.
Como queria ficar mais tempo com seu pai, que estava gravemente doente, foi trabalhar como Professor de Filosofia Natural no Marischal College em Aberdeen, no norte da Escócia. Enquanto estava no Trinity, Maxwell começou suas pesquisas sobre eletricidade e magnetismo. Seu primeiro trabalho sobre o assunto foi publicado em 1856. Altura em que recebe um prémio por ter formulado a melhor explicação sobre a natureza dos anéis de Saturno, baseando a estabilidade destes no facto de serem constituídos por rochas muito pequenas.
Com a morte de seu pai, deixou o magistério a fim de administrar a propriedade da família e dedicar-se ao estudo.
Em fevereiro de 1858, Maxwell tornou-se noivo de Katherine Mary Dewar e casou-se com ela em junho de 1859.
Apesar de ter se tornado genro do diretor do Marischal College, Maxwell foi despedido em 1860, quando este se uniu ao King's College, e teve que procurar outro emprego. Em 1860 Maxwell foi indicado para ocupar a cadeira de Filosofia Natural no King's College de Londres onde permaneceu até 1865.
Em seguida, Maxwell presta significativa contribuição à teoria cinética dos gases, ao calcular-lhes o livre percurso médio das moléculas. Prova, ainda, ser a viscosidade do gás independente de sua densidade.
Em 1863, toma parte num programa organizado pela Royal Society de Londres, destinado a estabelecer uma unidade absoluta de resistência elétrica.
Com base nos trabalhos experimentais de Faraday, estabelece as célebres equações -
conhecidas como "equações de Maxwell" - do eletromagnetismo. Com esse trabalho, ele demonstra que a ação eletromagnética viaja pelo espaço em ondas transversais semelhantes às da luz e com a mesma velocidade.
As teorias de Maxwell levaram às descobertas de Heinrich Hertz sobre as ondas de rádio, de tão profundas consequências na vida moderna. De volta à Cambridge, no último período de sua vida, Maxwell cria ali o Laboratório Cavendish, destinado a desempenhar importante papel no desenvolvimento da física teórica e experimental.
Em 1871, foi trabalhar, após grande relutância por sua parte, como diretor do Laboratório Cavendish em Cambridge. Ele ajudou a projetar e desenvolver este importante laboratório, pelo qual, posteriormente passariam importantes físicos como J. J. Thomson (1856 - 1940) e Ernest Rutherford (1871-1937).
Entre 1874 e 1879, dedicou-se intensamente à edição dos trabalhos e manuscritos sobre matemática e eletricidade experimental de Henry Cavendish, que publicou em 1879. Nesta época, já apresentava sérios problemas de saúde por causa de um câncer no estômago. Maxwell sofria muitas dores e sua saúde continuou piorando. Quando voltou para Cambridge após o verão, mal conseguia caminhar; veio a falecer logo em seguida.
O lugar de Maxwell entre os grandes físicos do século XIX deve-se a suas pesquisas sobre eletromagnetismo, teoria cinética dos gases, visão colorida, anéis de Saturno, óptica geométrica, e alguns estudos sobre engenharia. Ele escreveu quatro livros e cerca de cem artigos científicos.
De sua obra escrita, além dos trabalhos já referidos, merecem destaque o manual Teoria do Calor e o tratado elementar Matéria e Movimento. Mas seu trabalho fundamental é o Tratado sobre Eletricidade e Magnetismo, de 1873.

Retirado do site:

http://educacao.uol.com.br/biografias/james-clerk-maxwell.jhtm

http://www.ifi.unicamp.br/~ghtc/Biografias/Maxwell/Maxwellbio.html

http://www.knoow.net/cienciasexactas/fisica/maxwe+lljc.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails