Yu-gi-oh!

Yu-gi-oh!
dragão branco de olhos azuis, dragão luminoso de olhos azuis e dragão supremo de olhos azuis.

domingo, 31 de março de 2019

Imagens legais 44.

Beatrice

Nanomon

Bowser

Bowser Jr

Dry Bones

Dukemon

Elemental Hero Storm Neos

Mega Pidgeot

sexta-feira, 29 de março de 2019

quarta-feira, 27 de março de 2019

Aquiles.


Na mitologia grega, Aquiles ( Akhilleus) foi um herói da Grécia, um dos participantes da Guerra de Troia e o personagem principal e maior guerreiro da Ilíada, de Homero.
Aquiles é um dos mais famosos heróis gregos. Filho de Tétis (deusa grega do mar) e Peleu (rei dos mirmidões), teve seu principal momento no cerco à cidade de Tróia.
Participou junto com outros heróis e príncipes da Grécia de várias batalhas. Tornou-se famoso por sua bravura e força.
Aquiles tem ainda a característica de ser o mais belo dos heróis reunidos contra Troia,assim como o melhor entre eles.
Lendas posteriores afirmavam que Aquiles era invulnerável em todo o seu corpo por se banhar no Rio Estige, exceto em seu calcanhar; ainda segundo estas versões de seu mito, sua morte teria sido causada por uma flecha envenenada que o teria atingido exatamente nesta parte de seu corpo. A expressão "calcanhar de Aquiles", que indica a principal fraqueza de alguém, teria aí a sua origem.


Nome.


O nome de Aquiles pode ser interpretado como uma combinação de (akhos), "luto" e (laos), "povo", "tribo", "nação", etc. Em outras palavras, Aquiles seria uma personificação do luto das pessoas, luto sendo um dos temas que é levantado por muitas vezes na Ilíada. início do século VII a.C.. Foi transformado para a forma feminina (Achilleía), atestada pela primeira vez na Ática, no século IV a.C., e Achillia, encontrada num relevo de Halicarnasso como nome de uma gladiadora lutando contra amazonas. Os jogos gladiatórios romanos frequentemente reverenciavam a mitologia clássica, e esta parece ser uma referência à luta de Aquiles contra a rainha amazona Pentesileia, com um toque curioso de mostrar o herói na forma de uma mulher.


Nascimento.


Aquiles era o filho da Tétis e de Peleu, rei dos Mirmidões. Tétis era uma das várias filhas de Nereu e Doris e Peleu era filho de Éaco e Endeis. Zeus e Posídon haviam sido rivais pela mão de Tétis até que Prometeu, o responsável por trazer o fogo aos humanos, alertou Zeus a respeito de uma profecia que dizia que Tétis daria luz a um filho ainda maior que seu pai. Por este motivo, os dois deuses desistiram de cortejá-la, e fizeram-na se casar com Peleu.
Calcanhar de Aquiles.
De acordo com um fragmento de um Achilleis — a Aquilíada, escrita por Estácio no século I - quando Aquiles nasceu Tétis teria tentado fazê-lo imortal, mergulhando-o no rio Estige; deixou-o, no entanto, vulnerável na parte do corpo pelo qual ela o segurava, seu calcanhar. Não está claro, no entanto, se esta versão do mito era conhecida anteriormente. Em outra versão, Tétis ungiu o filho com ambrósia e o colocou sobre o fogo, para que suas partes mortais fossem queimadas; foi interrompida por Peleu, no entanto, e acabou abandonando pai e filho, furiosa.

Nenhuma das fontes anteriores a Estácio, no entanto, faz qualquer referência a esta invulnerabilidade física do personagem; ao contrário, na própria Ilíada Homero descreve Aquiles sendo ferido: no livro 21 Asteropeu, o herói peônio, filho de Pélago, desafia Aquiles nas margens do rio Escamandro; arremessa duas lanças ao mesmo tempo, uma das quais atinge o cotovelo de Aquiles, "tirando um jorro de sangue".

O culto a Aquiles na Antiguidade.


Havia um culto heróico arcaico a Aquiles na Ilha Branca (Leuca), no mar Negro, na atual costa da Romênia e Ucrânia, onde um templo e um oráculo dedicado ao herói sobreviveu até o período romano.
No épico perdido Aithiopis, uma espécie de continuação da Ilíada atribuída a Arctino de Mileto, a mãe de Aquiles,Tétis, retorna para prestar-lhe homenagens e remover suas cinzas da pira funerária, e leva-as a Leuca, na foz do Danúbio. Lá, os aqueus ergueram um túmulo para ele, e celebraram jogos fúnebres.


O culto a Aquiles nos tempos modernos.


Na região de Gastouri ( ), a sul da cidade de Corfu, na Grécia, a imperatriz da Áustria,Isabel da Baviera, mais conhecida como Sissi, construiu em 1890 um palácio de verão, com Aquiles como seu tema central, um monumento ao romantismo platónico. O palácio, naturalmente, recebeu um nome em homenagem ao herói,(Achilleion).  
A estrutura elegante está repleta de pinturas e estátuas de Aquiles, tanto no salão principal quanto nos jardins luxuosos, que recriam cenas trágicas e heróicas da Guerra de Troia.


Outros mitos sobre Aquiles.

No livro 11 da Odisseia o mesmo Odisseu viaja ao mundo inferior e lá conversa com as sombras, as almas dos mortos. Uma destas é Aquiles, que, quando saudado como sendo "abençoado na vida, abençoado na morte", responde que preferia ser um escravo sob o pior dos senhores do que um rei de todos os mortos. Aquiles então pergunta a Odisseu sobre os feitos de seu filho na Guerra de Troia, e quando aquele lhe descreve os atos heroicos de Neoptólemo, o herói se enche de satisfação.
Aquiles foi venerado como deus marinho em muitas das colônias gregas do mar Negro, onde se localizada a semi-mítica "Ilha Branca" (Leuca) onde ele teria habitado, após sua morte, juntamente com diversos outros heróis.
Os reis do Épiro alegavam descendência de Aquiles através de seu filho, Neoptólemo.
Alexandre, o Grande, filho da princesa Epirota Olímpia, alegava por este mesmo motivo esta descendência - e em diversas maneiras tentou ser como o seu suposto ancestral, tendo até mesmo visitado seu túmulo ao passar por Troia.
Aquiles lutou e matou em combate a amazona Helena. Algumas versões de sua lenda dizem que teria se casado com Medeia, e que após a morte dos dois ambos teriam sido reunidos nos Campos Elísios do Hades – como Hera havia prometido a Tétis, na Argonáutica de Apolônio.


A morte de Aquiles.

Apesar da valentia e dos feitos de Aquiles, a fatalidade não podia deixar de acontecer. A morte do grande herói da Antiguidade é apresentada em várias versões, porém a mais aceita relata que ele morreu ferido no calcanhar por uma flecha certeira, poderosa e assassina, atirada pelo príncipe Páris e guiada por Apolo. Páris, nesse ato, consegue vingar-se da morte de seu irmão Heitor e simultaneamente vinga a morte do filho do deus Apólo, Tenes.
Aquiles, após a morte, recebeu a justa recompensa por toda uma vida de feitos heroicos e de combates. Zeus, a pedido de Tétis, conduziu-o à ilha dos Bem-aventurados, onde ele casou com uma heroína.
Curiosidade:
A expressão “calcanhar de Aquiles” é utilizada até os dias de hoje para representar o ponto fraco e vulnerável de uma pessoa ou de uma instituição.


Retirado do site:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Aquiles

http://www.suapesquisa.com/pesquisa/aquiles.htm

segunda-feira, 25 de março de 2019

sábado, 23 de março de 2019

quinta-feira, 21 de março de 2019

terça-feira, 19 de março de 2019

domingo, 17 de março de 2019

sexta-feira, 15 de março de 2019

quarta-feira, 13 de março de 2019

segunda-feira, 11 de março de 2019

Kratos.


Informações pessoais

Família: Zeus (pai), Callisto (mãe) ,Deimos (irmão), Hércules (Meio-Irmão), Calliope (filha), Lysandra (esposa);


Raça: Semi-deus;


Espécie: Humana;


Afiliação: Esparta, Olimpo, N/A;


Habilidade especial: Força e Resistência Sobre-humana, Habilidoso Guerreiro ,Poderes Divinos, Poderes Titânicos;


Arma: Espadas duplas curtas de alto alcance.


Kratos, The Ghost of Sparta (em português: Kratos, O Fantasma de Esparta) é o personagem principal nos videojogos da saga God of War, iniciada no console PlayStation 2 e franquia da Sony. Kratos foi criado para substituir Pipo que ocupava o posto de mascote na empresa. Kratos se tornou oficialmente
mascote devido a impopularidade do jogo Ape Escape de seu ex-mascote.
Kratos significa A palavra grega " ", krátos, "força","poder", que forma o segundo composto em palavras como democracia, aristocracia, etc. Sua personificação mitológica, o titã Cratos, filho de Palas e Estige.


Poderes.


God of War.


• Poseidon’s Rage (Fúria de Poseidon): É uma oferta do deus Poseidon contendo o poder para provocar tempestades; é eficaz para atacar vários inimigos simultaneamente.

• Medusa’s Gaze (Olhar de Medusa): É uma oferta da Deusa Afrodite. Kratos pode usar a cabeça de Medusa para transformar um inimigo de cada vez em estátuas de pedra(exceto a própria Medusa). É um poder que, depois de um certo tempo, perde o seu efeito e cada um que tiver transformado em pedra retorna à sua forma normal, a não ser que se tenha oportunidade de quebrar a sua estátua.

• Zeus Fury (A Fúria de Zeus): Concedido pelo próprio Zeus, é uma magia que lança à distância relâmpagos aos inimigos de Kratos.


• Army of Hades (Exécito de Hades): É uma oferta do Deus Hades. Esta magia libera espíritos invencíveis que se precipitam sobre os inimigos em que se encontram mais próximos de Kratos.


• Rage of the Gods (Fúria dos Deuses): É a magia mais poderosa. Durante um certo período de efeito (depende da quantidade da urna deste poder) Kratos pode fazer uso de uma velocidade e de uma força
superior para atacar os seus inimigos. Se as Blades of Chaos se encontrarem no nível máximo da sua capacidade, permite a Kratos, a benesse de poder usar infinitamente qualquer das outras magias enquanto o tempo urge.


God of War 2.

• Typhon´s Bane (Arco de Tifão):
É um arco mágico de Tifão, no inicio pode soltar flechas mágicas a distancia mas, depois que você deposita as Red Orbs nela ela pode soltar grandes tornados.


• Cronos's Rage (Fúria de Cronos): Cronos Deu a sua última magia á Kratos; é eficaz para atacar vários inimigos simultaneamente.


• Atlas' Quake (Tremor de Atlas): Uma oferenda do Titã Atlas a Kratos para este ter a habilidade de fazer a terra estremecer; é eficaz para causar danos em vários inimigos simultaneamente.


• Head of Euryale (Cabeça de Euríale): A cabeça da irmã de Medusa, Euríale, que, tal como ela, é capaz de transformar todos os seres em pedra com um simples olhar.


• Rage of the Titans (Fúria Titânica): Semelhante a Rage of the Gods, Kratos sofre menos danos sob proteção deste poder, é mais rápido e mais forte e, ao contrário de Rage of the Gods, pode a seu mando optar por desativar a magia quando não necessita dela, evitando assim, que a urna em que está contida a magia se esvazie sempre quando acionada.


God of War 3.


• Army of Sparta (Exército de Sparta):
Invoca um exército de Espartanos Exilados que fica em volta de Kratos o defendendo atacando os seus inimigos - magia ligada as Lâminas do Exílio.


• Soul Summon (Invocação de Almas): Kratos pode invocar a alma do ser selecionado no menu START - magia ligada as Garras de Hades.


• Nemean Roar (Rugido de Nemeia): Kratos dá vários socos no chão, por onde saem ondas de choque que destroem inimigos - magia ligada a Cestus de Nemeia.
 

• Nemesis Rage (Fúria de Nêmesis): Kratos lança um raio pegando em algum inimigo e depois vários inimigos ao mesmo tempo - magia ligada ao Chicote de Nêmesis.

• Diving Reckoning(O Mergulhado Acerto de Contas):
Kratos enfia a Lâmina do Olimpo (Blade of Olympus) no chão criando um ciclone muito violento que ataca vários inimigos - magia ligada as Lâminas de Atena.


• Rage of Sparta (Raiva de Esparta): Kratos invoca a Lâmina do Olimpo (Blade of Olympus) ficando muito mais forte do que o normal - magia ligada a qualquer arma selecionada.


Personalidade.

Ao longo da série, Kratos age como um anti-herói, muitas vezes tomando decisões imorais para continuar a sua meta, sacrificando humanos desprotegidos, por exemplo. Antes do início da série, ele atuou como o capitão do exército de Esparta e era apenas interessado em aumentar seu poder através da conquista de seus adversários. Sua personalidade muda quando ele se torna um servo de Ares, depois que ele seguiu fielmente as ordens do deus.
Depois que ele parou de servir Ares, Kratos continuou a servir os deuses, a fim de receber o perdão, mas mostra uma postura desafiadora contra eles. Uma vez contactado pelos deuses do Olimpo, Kratos mostra desprezo por seus problemas, apenas seguindo suas ordens para benefício pessoal. No jogo, o motivo principal de Kratos é vingança. Ele é condenado a assassinar Ares e concorda em fazer isso para conseguir a absolvição de seus crimes passados.


Historia.

Ao longo da série, a pele de Kratos é vista completamente desprovida de pigmentação, apenas mostrando a sua cor de pele original em flashbacks. A razão para isso é evidente quando ao jogador é mostrada uma cena onde um oráculo da aldeia colocou uma maldição sobre Kratos, que fechou as cinzas de sua esposa e filha assassinadas em sua pele, que é também a forma como ele ganhou o apelido, o " Fantasma de Esparta ". O personagem não usa uma quantidade significativa de roupa, geralmente visto vestindo apenas uma tanga, sandálias, caneleiras e protetores de antebraço. Algumas exceções incluem as fases iniciais de God of War II, onde ele é visto usando uma armadura que lembra que a armadura usada por Ares em God of War e cenas detalhando o seu passado, onde ele usa uma armadura Espartana como um capitão do exército. Ele tem uma tatuagem muito grande, vermelha que começa a seguir seu olho esquerdo e espirais ao longo do topo da cabeça, no pescoço e nas costas, o seu tronco, e terminando em seu ombro esquerdo, feita em
homenagem a seu irmão considerado morto Deimos, que exibia marcas de nascença semelhantes na infância. Sua arma é a Blade of Chaos, que estão ligados a seus pulsos em todas as séries. Em God of War e God of War: Chains of Olympus, estavam presos a seus pulsos por Ares, desde que Kratos ofereceu uma vida de servidão a Ares em troca de ajuda. Estas foram substituídas pela Athena's Blades, que lhe foi dada pela deusa Athena logo após a batalha final contra o deus da guerra e foram mantidas em parcelas
seguintes da cronologia. O rosto do personagem exibe uma cicatriz atravessando seu olho direito e um cavanhaque. Ele também tem uma grande cicatriz em seu abdómen, que foi infligida por Zeus quando este atravessou-o com a Blade of Olympus em God of War II. Também foi adquirida em God of War II, derrotando um Cerberus, a Golden Fleece, que ele carrega em seu braço direito. Ele tem o poder para desviar ataques inimigos e contra-atacar imediatamente. O Velocino de Ouro é mantido em God of War III.


Retirado do site: http://pt.wikipedia.org/wiki/Kratos_%28God_of_War%29

http://pt.wikipedia.org/wiki/Kratos

sábado, 9 de março de 2019

quinta-feira, 7 de março de 2019

terça-feira, 5 de março de 2019

Imagens legais 43.

Gata Negra

Hera Venenosa

Korra

Mega Rayquaza

Mulher Maravilha

Serena Tsukino

Tyrantrum

Viúva Negra

domingo, 3 de março de 2019

sexta-feira, 1 de março de 2019

Related Posts with Thumbnails