Yu-gi-oh!

Yu-gi-oh!
dragão branco de olhos azuis, dragão luminoso de olhos azuis e dragão supremo de olhos azuis.

quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Resumo do Neodarwinismo.


O neodarwinismo baseia-se na teoria proposta por Darwin e reconhece como principais fatores evolutivos a mutação, a recombinação gênica e a seleção natural, mas é mais como uma complementação da teoria de Darwin em relação às fontes de variabilidade das populações, possibilitando a partir de 1910 com o desenvolvimento da Genética e o conhecimento do material hereditário.
A Teoria sintética da evolução ou Neodarwinismo foi formulada por vários pesquisadores durante anos de estudos, tomando como essência as noções de Darwin sobre a seleção natural e incorporando noções atuais de genética. A mais importante contribuição individual da Genética, extraída dos trabalhos de Mendel, substituiu o conceito antigo de herança por meio da mistura de sangue pelo conceito de herança por meio de partículas os genes. A partir da compreensão da transmissão de caracteres através dos genes e da variabilidade genética foi possível explicar como as características são passadas para os descendentes e também a variação entre indivíduos da mesma espécie.

Esta teoria baseia-se em quatro processos básicos da evolução: mutação, recombinação, genética, seleção natural, isolamento reprodutivo.
Os três primeiros são responsáveis pelas fontes da variabilidade; os dois últimos orientam as variações em canais adaptativos.
Pontos básicos da teoria moderna:
a) As variações de uma espécie dependem de mutações.
b) As mutações ocorrem ao acaso.
c) A luta pela vida dá-se entre os indivíduos e o meio ambiente.
d) Da luta pela vida, resulta a seleção natural dos mais aptos ou adaptados às condições do meio.

e) O isolamento geográfico ou sexual impede que as características do tipo novo misturem-se com as características do tipo primitivo. 
A partir daí foi possível compreender que as mutações e recombinações gênicas são fatores que promovem a variabilidade entre os organismos que serão, então, selecionados de acordo com as pressões exercidas pelo ambiente.

Retirado do site: http://vestibular.uol.com.br/revisao-de-disciplinas/biologia/evolucao.jhtm

http://www.colegioweb.com.br/biologia/neodarwinismo.html


 http://www.biomania.com.br/bio/conteudo.asp?cod=1228

terça-feira, 29 de dezembro de 2015

domingo, 27 de dezembro de 2015

sexta-feira, 25 de dezembro de 2015

quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

sábado, 19 de dezembro de 2015

Combustíveis fósseis.


Os combustíveis fósseis são substâncias de origem mineral, formados pelos compostos de carbono. São muito utilizados na atualidade. Os combustíveis fósseis mais conhecidos são: gasolina, óleo diesel, gás natural e carvão mineral.
Tirando o gás natural, os outros combustíveis fósseis costumam gerar altas quantidades de poluentes que prejudicam a qualidade do ar e contribuem para o fenômeno do efeito estufa.
De acordo com dados da Agência Internacional de Energia (AIE), aproximadamente 87% de todo o combustível consumido no mundo é de origem fóssil, ou seja, não renovável.
Após serem processados adequadamente para determinada utilização, essas fontes energéticas podem ser empregadas na produção de combustíveis, lubrificantes, energia elétrica, aquecimento de caldeiras e fornos, entre outros. Apesar das várias vantagens, os combustíveis fósseis são extremamente poluentes e a sua utilização desordenada contribui para o aquecimento global, desencadeia chuvas ácidas, emite gases que poluem a atmosfera, contaminam os recursos hídricos, etc.

Por serem de origem fóssil, esses combustíveis irão se esgotar na natureza. Caso não se reduza a média de consumo registrada nas últimas décadas, as reservas mundiais de petróleo e gás natural devem se esgotar em 100 anos e as de carvão, em 200 anos.

Informação sobre os três principais combustíveis fósseis.

O carvão mineral.


É oriundo do soterramento e da decomposição de material vegetal que, ao longo do tempo, perdem oxigênio e água e ganham carbono. Usado como fonte geradora de energia, a combustão do carvão é responsável pela emissão de grandes quantidades de gás carbônico.


O petróleo.

É encontrado nos poros das rochas sedimentares que, ao apresentarem permeabilidade, permitem sua vazão e, consequentemente, a formação de reservatórios economicamente exploráveis. No entanto, uma bacia petrolífera leva milhares de anos para ser constituída, daí a caracterização do petróleo como combustível fóssil não renovável na escala humana de tempo. A partir do refino do petróleo são extraídos produtos como solventes, gasolina, óleo diesel, lubrificantes, querosene, gás de cozinha e matéria-prima para a fabricação de plásticos e asfalto.


O gás natural.

Assim como o petróleo, deriva da decomposição de material fóssil orgânico e encontra-se acumulado em rochas porosas no subsolo da Terra. Considerado fonte de
energia limpa, por estar em estado gasoso e apresentar baixos índices de gás carbônico, compostos de enxofre e nitrogênio, o gás natural tornou-se uma matriz energética ecologicamente correta, porém não renovável, uma vez que leva milhares de anos para ser formado.

O transporte do gás natural de suas reservas às redes distribuidoras é feito por meio de tubulações enterradas e protegidas com placas de concreto. No setor de transportes, o gás natural substitui os combustíveis derivados do refino do petróleo, como gasolina e óleo diesel. Também é utilizado nas indústrias como fonte geradora de calor e energia elétrica.

Retirado do site: http://www.suapesquisa.com/o_que_e/combustiveis_fosseis.htm

http://www.suapesquisa.com/pesquisa/combustiveis.htm

http://www.brasilescola.com/geografia/combustiveis-fosseis.htm

http://www.bioclimatico.com.br/document.aspx?IDDocument=188

quinta-feira, 17 de dezembro de 2015

terça-feira, 15 de dezembro de 2015

domingo, 13 de dezembro de 2015

sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

quarta-feira, 9 de dezembro de 2015

segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

Tron: O Legado.


Elenco: Michael Sheen, Jeff Bridges, Olivia Wilde, John Hurt, Garrett Hedlund, Serinda Swan, James Frain, Bruce Boxleitner, Beau Garrett.
 Direção: Joseph Kosinski
 Gênero: Ação 
Duração: 125 min.
Distribuidora: Disney
Estreia: 17 de Dezembro de 2010

 Sinopse. 

Sam Flynn (GARRETT HEDLUND), o especialista em tecnologia de 27 anos filho de Kevin Flynn (JEFF BRIDGES), investiga o desaparecimento do pai e se vê preso no mesmo mundo povoado por programas ferozes e jogos fatais onde seu pai vive há 25 anos. Junto com sua fiel confidente (OLIVIA WILDE) Kevin, pai e filho embarcam em uma jornada de vida e morte por um universo cibernético visualmente deslumbrante que se tornou muito mais avançado e extremamente perigoso.

 Curiosidades.

» 'Tron: O Legado' é continuação da cultuada ficção-científica 'Tron', de 1982.
 » Jeff Bridges retoma seu papel e a direção será de Joseph Kosinski, estreante em longas.
» O vencedor do prêmio Grammy® Daft Punk está compondo a música para 'Tron 2: O Legado'.

 Trailer.



 Retirado do site: http://www.cinepop.com.br/filmes/tron2legado.php

sábado, 5 de dezembro de 2015

quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Related Posts with Thumbnails